Como é bom amar o futebol

Quem ama o futebol como eu entenderá o motivo desse post. Moro em São Paulo há pouco mais de um ano e não torço para nenhum time daqui. Como diria o “poeta”, isso é uma faca de dois “legumes” mas o melhor de tudo isso é que eu vou a jogos de qualquer um dos times daqui sem me preocupar com o resultado, apenas para ter o prazer de ver um jogo no estádio.

O cheiro do gramado, a cor da grama, o concreto, como é bom ver um jogo de dentro do gramado, que satisfação que é. Hoje, há exatos 10′ um primo meu, grande sãopaulino me manda a seguinte mensagem via celular: “Comprados”. Parece pouco não? Pois não é, com essa simples palavra eu acabei de ter a certeza que sábado estarei presente no Morumbi e verei ao vivo Ganso e Neymar (a não ser que o Muricy resolva poupar o time, o que, diga-se de passagem, é o que eu faria se fosse técnico).

E assim, poderei dizer daqui a 20 anos para meus filhos que eu os vi jogar, se o Ganso for para o Milan não saberei se terei outra oportunidade.

Para quem ama o esporte, esses momentos aparentemente bobos são os que mais ficam, não me importa quem irá vencer no sábado, o que vale é que estarei lá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Dois Toques

Lugar que um doido por esporte, principalmente futebol criou para escrever, ler, debater sobre tudo que seja relacionado ao esporte Bretão.

Twitter

Anúncios