Posts Tagged 'Corinthians'

Final?

vasco_corinthians_small.jpg (259×194)

Avisei, não faz muito tempo eu avisei, que essa coisa de colocar Flamengo e Corinthians como únicos disputando o título era besteira. O Timão está na luta, se ganhar hoje retoma a liderança e pode chegar lá, mas no Flamengo não creio mais. Quem chegou, e parece que é para ficar foram Vasco e São Paulo.

Na virada do turno eu já falava, e continuo achando a mesma coisa, o título ficará entre São Paulo, Vasco e Corinthians, nessa ordem de probabilidade. Tem gente que gosta de colocar Fluminense, Botafogo e até o Santos na briga, mas cá entre nós, para mim ficará entre os três.

Falta muito, é verdade, mas a verdade é que no meio de tanta irregularidade, quem mantém um certo equilíbrio está brigando.

E hoje, minha gente? Questionei amigos corinthianos, vascaínos, na verdade perguntei para todo mundo que gosta de futebol, “domingo será a final do Brasileirão?”

A verdade é que as respostas foram bem divididas. Por incrível que pareça, os torcedores do Timão, apesar de todos confiarem na vitória hoje, não acham que o Corinthians ganhando hoje será campeão. Confesso que essa falta de confiança me surpreendeu, pois eu acho que é justamente o que falta para esse time decolar e levar a taça para o Parque São Jorge.

Os vascaínos, mesmo tentando disfarçar, estão muito empolgados com as apresentações do Gigante da Colina, e apesar de não usarem o termo final, ou campeão, acreditam que uma vitória hoje pode abrir o caminho definitivamente para o penta.

Durante a semana, jogadores dos dois times tiveram que lidar também com essa pergunta, e todos foram “políticos”, ninguém diz que é uma final.

Serei direto. Para mim se o Vasco ganha, fica difícil de tirar o caneco da Colina Histórica. Uma vitória hoje faz o time abrir 5 pontos do Timão, e com certeza dará ainda mais moral para a equipe se manter na liderança. Ou seja, em caso de vitória vascaína, não seria uma final antecipada, mas quase isso.

O empate, resultado mais provável, na minha opinião, como mesmo diz deixará tudo igual. Manterá os dois na briga, e para o Corinthians trará um efeito psicológico bom, pois não teria deixado o Vasco disparar.

Vitória do Timão, mesmo não deixando com 5 pontos de vantagem, mas dando-lhe a liderança, terá, para mim o mesmo peso que uma vitória vascaína. Até porque, o Vasco depois desse jogo terá duas batalhas fora de casa, São Paulo não terá jogos fáceis, e o Timão com toda a moral do mundo e tendo dois jogos seguidos em casa, deve fazer valer a liderança.

Eu que critiquei quem apontou Flamengo e Corinthians como únicos com chance de título, posso estar cometendo o mesmo erro, porém com 11 rodadas para o fim, as coisas aparentam estar mais delineadas.

No frigir dos ovos, final ou não, devemos ter um jogaço, com todos os ingredientes de uma final. Torcida lotando o estádio, times com sede de vitória e jogadores que fazem a diferença dos dois lados.

Meu palpite é o empate, mas não um 0x0 chato como foi o Majestoso, acho que um 2×2 bem brigado, bem disputado.

Agora com licença que preciso me preparar para a final…

Anúncios

Eu ainda acho que não têm favoritos neste Campeonato

Corinthians começou o Campeonato de forma arrasadora, ainda é líder e brigará até o final do torneio pelo título. Fato, inegável isso. Tem um bom time, um técnico deveras controverso mas que não tem comprometido, e tem estrela. É um time com torcida e jogadores capazes de definir.

Isso tudo faz dele favorito? Não, candidato sim, favorito não.

Qualquer time que chega na metade de agosto com apenas 1 derrota no ano tem algo de muito bom para mostrar, não é claro? E se esse time for o Flamengo, que assim como o Corinthians conta com uma torcida que faz a diferença, jogadores como Ronaldinho Gaucho e um técnico como Vanderlei Luxemburgo, ambos em boa forma?

Ah esse será o campeão, muitos irão dizer. Pode ser, mas da mesma forma, o rubro-negro é um candidato, mas não considero também favorito ao título.

Que campeonato foi decidido no primeiro turno? Por que cargas d’água, comentaristas que eu tanto respeito e que sabem tanto de bola resolvem vaticinar que o título ficaria entre esses dois?

Sério, faltam mais de 20 rodadas, tem tudo para acontecer ainda.

São Paulo tem um bom elenco e um bom técnico, o Palmeiras que jogou bem hoje contra o Vasco, apesar da derrota, o próprio Vasco, enfim, tudo pode acontecer, inclusive o título ficar entre Corinthians e Flamengo.

Não, não acho que São Paulo, Palmeiras e Vasco sejam favoritos. Pode vir alguém como Flamengo em 2009 e conquistar, o que quero dizer, é que é cedo, muito cedo.

E o São Paulo de 2008 que tirou mais de 10 pontos em um turno?

Os números comprovam, as atuações das equipes falam mais ainda. Sinceramente, apontar favoritos com tanta antecedência é ou ser leviano ou ser inocente.

Óbvio se me perguntarem quem será campeão hoje, diria qualquer time, afinal perguntaram isso. Diferente de chegar e dizer sem nem ser perguntado nem nada, simplesmente garantir que só dois clubes brigam pelo título.

Vocês acham que o Campeonato está decidido? Vocês acham que o título ficará entre Corinthians e Flamengo? Ou vocês, como eu, acham que falta muito, e que pelo menos uns 8 times brigam pela taça?

Corinthians, cada dia mais Corinthians

Não foi um show de bola, não foi uma aula de futebol, mas o Corinthians consegue sua nona vitória em dez jogos e é definitivamente o time a ser batido no Brasileirão.

E o Corinthians ganhou de novo porque foi Corinthians, na vontade, no esforço a mais. Não poucas vezes o Botafogo teve o domínio da bola, teve bom volume de jogo, mas nunca, em nenhum momento um corinthiano deixou de correr.

Não teve um segundo em campo que não tivesse um jogador do Timão “comendo grama”. Basta lembrarmos que Júlio César jogou com o dedo deformado ontem no final da partida.

Que momento legal! Era o que ele precisava para ganhar fôlego com a torcida e garantir sua titularidade por mais algumas rodadas (assim que se curar, é claro).

Esse momento, a prima vista prosaico, até comum para quem conhece as agruras da posição, retrata o espírito dessa equipe. Espírito que é reflexo do que vem da arquibancada. Também não é coincidência que os volantes têm sido o motor do líder.

Dito isto, acho até bom para o clube que não gastou R$ 90.ooo.ooo,00 em Tevez. Aliás que história mal contada. Com esse valor dava para comprar um time inteiro, mais com esse valor dá para construir um estádio.

Eu comecei dizendo que ontem não foi um show de bola, e tirando a goleada em cima do São Paulo, o Corinthians não deu nenhum show, até jogou pior que alguns de seus adversários, mas lutou mais que todos juntos. Não precisa ser gênio para ser campeão, tem que ter talento, é claro, mas tem que querer mais que os outros. Foi sempre assim que o Timão foi campeão, é assim que ele lidera.

O time tem falhas e vai cair de rendimento, isso é natural e até inevitável, mas está mais vivo do que nunca na briga pelo título.

“Aqui é Corinthians, Mano!”

Liédshow

Não amigos, não é todo dia que se faz 3 gols em um clássico.

Não é todo dia que Rogério Ceni toma 5 gols na mesma partida, aliás é a primeira vez que ele perde por um diferença de 5 gols. Naquele 7 a 1 vascaíno o goleiro foi expulso ainda no primeiro tempo.

Então o que aconteceu no domingo é coisa para todo corintiano lembrar para sempre. Que segundo tempo maravilhoso da equipe comandada por Tite.

Acho que destacaria três atuações, Danilo, o melhor em campo, Liédson, decisivo e preciso, e Tite, sim, dessa vez o treinador corintiano pesou positivamente.

Foi só Tite não acovardar sua equipe, mantê-la em cima, marcando e atacando o adversário que conseguiu uma goleada. Resta ao torcedor alvinegro torcer para que não tenha sido algo único, que o técnico mantenha essa postura e entenda que para ser campeão tem que jogar em cima do oponente, não pode recuar.

Danilo finalmente ganha uma sequência no time titular e prova que é dono da 10, apesar de jogar com a 20, corintiana. A técnica do jogador é refinadíssima, e além do belo gol que fez consagrou Liédson com seus passes.

Tite disse que era assim que Danilo deveria jogar, no meio e não aberto na esquerda, que ele era banco porque os treinadores anteriores não sabiam escalá-lo. Sim, claro “professor”, isso todos sabemos, minha pergunta é: por que o senhor demorou tanto para colocá-lo ali?

A dúvida que fica na cabeça do treinador agora é aonde colocar Alex nesse time. Vejo três opções, a mais improvável e arriscada seria colocá-lo de segundo volante; ele pode jogar no lugar de Danilo, que é a mais provável situação, porém no meu entendimento não é a melhor; e ele pode jogar no lugar de Jorge Henrique, o que eu acho que seria o ideal.

Vocês viram que não falei do São Paulo no post não é mesmo, mas há o que falar? Só um time jogou, só um time merece destaque, o outro, bom acho que Dagoberto disse tudo ao final do clássico.

Ps: E não é todo dia que Rogério Ceni toma um peru daqueles, ou é?

Demorou mas engrenou

Ele se arrastou, teve muitas rodadas enfadonhas, mas o Campeonato Paulista chega nas semis com dois clássicos e muita expectativa.

Palmeiras e São Paulo estão de olho na Copa do Brasil, Santos então nem se fala o quanto quer a Libertardores, mas não adianta, chega nessa altura do Campeonato ninguém quer ver um rival levantar a taça, e já se sente nas ruas um burburinho gostoso.

Os regulamentos dos Campeonatos Estaduais têm que ser revistos, isso é claro, mas como disse Felipão, agora que todo mundo assinou não tem o que reclamar, é jogar com o regulamento que está aí. E isso o Palmeiras dele tem feito como nenhum outro. O time joga sempre o suficiente, tem a melhor defesa, e na minha opinião é o favorito para ser campeão. É engraçado como cada um dos 4 leva uma vantagem para esses últimos confrontos.

Se o Corinthians tem elenco mais fraco que Santos e São Paulo, é o único com dedicação exclusiva ao Paulista, uma questão a se considerar. Santos tem mais craques e o melhor treinador, porém além de ter uma viagem para o Chile nessa semana, Muricy chegou agora lá, será que dá tempo de ser campeão? São Paulo terminou em primeiro na fase de classificação e é o time em maior ascensão de todos, mas contusões de Lucas, Luis Fabiano, Alex Silva e Rodrigo Souto prejudicariam qualquer time. Para terminar, Palmeiras liderou grande parte do Campeonato, tem a melhor defesa e é um time com a cara de seu técnico, querem mais? Se não é o melhor elenco, é o elenco que se doa ao máximo.

Essa para mim é a fotografia dessa reta final, aposto numa final São Paulo e Palmeiras, e título do Verdão, mas ninguém pode ser apontado como favorito, tamanha a igualdade de forças.

Alguém aponta um favorito?

E o prêmio Bolsonaro do mês vai para…

O Deputado Jair Bolsonaro ganhou notoriedade na última semana após expressar todo seu preconceito em entrevista dada o programa CQC. Sou a favor da liberdade de expressão, ampla e irrestrita, e para que isso funcione, é preciso que arquemos todos com as consequências dos nossos atos. Eu posso falar o que quiser, no entanto, se meu discurso configurar um crime, ferir os direitos de outrem, devo ser punido na forma da lei. E discriminação, seja ela por gênero, sexualidade, cor de pele, enfim, toda e qualquer discriminação, é crime, está lá na Constituição Federal.

Óbvio que vocês já devem estar de “saco cheio” desse assunto e não queriam ler sobre isso também em um blog de futebol, mas essa introdução era necessária para o que eu vou postar.

Quem não é de São Paulo talvez não saiba, mas ontem, dia 1º de abril, o Globo Esporte foi cheio de brincadeiras e chistes relacionados com o dia da mentira. No final do programa, Tiago Leifert parabenizou o Corinthians pelo título na Libertadores, mentirinha de 1º de abril.

Você pode gostar ou não da piada, você corinthiano pode até ficar com aquela raivinha na hora. E deu. Não nos levemos tão a sério, futebol é diversão é brincadeira, e não teve nada de ofensivo ou desrespeitoso na brincadeira.

Infelizmente, parte da torcida alvinegra não sabe brincar, não entendeu ainda a função da futebol nas nossas vidas e no twitter, na internet em geral, ameaçou, ofendeu e desrespeitou o apresentador e o programa. Atitudes lamentáveis, e desprezíveis, indignas de uma torcida do tamanho da corinthiana.

Mas se fosse “só” isso tudo bem, a instituição Sport Club Corinthians Paulista desceu mais baixo que qualquer torcedor, se rebaixou ao nível mais grotesco se pode imaginar.

Em meio a uma comoção nacional frente as declarações revoltantes do deputado Bolsonaro, a TV Corinthians, voz do clube, encerrou seu jornal fazendo uma “piada” com a sexualidade do apresentador do Globo Esporte. Piada está entre aspas, porque não considero nenhuma brincadeira o que fora feito. Foi mais uma amostra de homofobia, de preconceito e de falta de respeito com o ser humano.

Não tenho nada contra o Corinthians, qualquer time que tivesse tido essa atitude seria repudiado da mesma forma nesse blog. Não se pode admitir esse tipo de ofensa, vindo ela de onde vier.

Espero agora que o Clube se pronuncie e peça desculpas por essa atitude infeliz. E não só isso, tome providências firmes com o idealizador disso tudo.

Temos que acabar com esse tipo de coisa no futebol, no Brasil, em todos os lugares.

Segue abaixo o vídeo que mostra a “brincadeira” corinthiana, tirem as suas conclusões:

Um pouco de emoção no meio do marasmo

Tivemos hoje na Arena Barueri mais um Majestoso. Corinthians e São Paulo se enfrentaram em mais uma rodada do enfadonho Paulistinha 2011. Ficar aqui batendo na chatice dos estaduais seria até cômodo, mas foi um jogo muito legal, e muito quente, com 3 gols e 3 expulsões.

É deveras interessante notarmos, que depois de tudo que aconteceu não se fala do impacto do resultado no Campeonato, mal se lembra que o São Paulo com a vitória passou o Timão na tabela e ajudou a vida do Palmeiras, deixando-o na liderança.

Em um dia que um goleiro marca seu 100º gol e um tabu de quatro anos e 11 jogos cai, o que menos se quer saber é quem está em 2º ou em 3º na classificação, até porque ambos já estão classificados.

Foi um jogo legal, o Corinthians teve bastante a posse de bola, mas o tricolor mesmo sem seu melhor jogador foi muito mais efetivo e mereceu a vitória. Dagoberto fez um belo gol, numa jogada que não é de sua caracterísitca, o chute de longe, e assim o primeiro tempo acabou em vantagem para os sãopaulinos. Não sem antes Dentinho perder um gol na cara de Rogério Ceni que fez uma defesa digna de seus melhores dias.

Mal começou o segundo tempo e o tão esperado ocorreu. Falta na entrada da área, e Rogério Ceni, com a competência que lhe é peculiar fez um golaço, o 56º de falta na carreira, e o 100º no total. Que feito, que momento. O clima ficou amplamente favorável ao clube do Morumbi e a expulsão, justíssima de Alessandro fez parecer que o clássico já tinha acabado.

Mas clássico bom é assim, em um jogada de cobrança rápida de falta Dentinho chutou da entrada da área, e com muita felicidade colocou o Timão de volta na partida. Para completar em uma jogada boba no meio de campo Dagoberto, autor do primeiro gol, tomou o segundo amarelo e deixou tudo igual em expulsões. Daí então parecia que o Corinthians iria com tudo, e poderia até virar a partida. Jorge Henrique que não fazia uma bela partida já havia saído e o alvinegro estava indo para cima.

Eis que nosso galã Dentinho, que ali em cima aparece contracenando com Débora Secco no filme “Bruna Surfistinha”, e tinha colocado o Corinthians da partida, resolveu tirá-lo, e no seu campo de defesa, após ter sido marcada uma falta nele mesmo, ele chutou duas vezes Rodrigo Souto deixando o árbitro sem outra opção que não de colocá-lo para rua.

Jean ainda em uma bela jogada quase fez o terceiro do São Paulo, e nos minutos finais, Liédson pegou uma sobra deu uma linda “quase bicicleta” que tinha endereço certo, porém o homem do dia, o goleiro que fez história hoje marcando gol, fez o que mais sabe, uma bela defesa, e garantiu a quebra do tabu em favor do São Paulo.

Ah e antes que eu me esqueça, gostei muito do árbitro hoje. Concordei com as duas expulsões diretas dos jogadores corinthianos; e na expulsão de Dagoberto, eu não achei nem falta, mas não fiquei muito convicto se ele acertou a bola ou chutou o jogador, então, de qualquer maneira, dou crédito ao árbitro. E por último, ele não se acovardou e deu 6′ de acréscimo, mesmo em um jogo complicado e com apenas um gol de diferença. Se atacamos quando erram, o mínimo que devemos fazer é elogiarmos quando acertam.

E assim, no meio de uma porrada de jogos sem graça e sem qualidade, o Majestoso hoje apareceu como um oásis, e trouxe muita emoção para quem gosta de futebol.


Dois Toques

Lugar que um doido por esporte, principalmente futebol criou para escrever, ler, debater sobre tudo que seja relacionado ao esporte Bretão.

Twitter